segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Cor de Cueca



E chegamos ao fim de mais um ano! Mais uma vez vem o dilema: que cor usar?

Não falo aqui da roupa que todos vão ver, essa temos mais liberdade. Meu dilema é sempre a cor da minha cueca. Que cor usar? Dizem que as cores usadas no ano novo atraem certas coisas. Porque a da roupa íntima se tornou a principal dessa crença, não sei. Mas como o bem crédulo que sou, levo a sério e começo a planejar uma semana antes. Em geral eu compro um nova.

Para os ainda indecisos, aqui vão os atrativos de cada cor:

Branco: paz, calma, pureza.
Preto: sofisticação e luxo.
Bege: calma e passividade. E falta de sexo. Que cor broxante, pelamordedéls!
Vermelho: paixão.
Verde: vigor, juventude, frescor, esperança e calma.
Amarelo: prosperidade.
Laranja: movimento e espontaneidade.
Azul: lealdade, fidelidade.
Marrom: maturidade, consciência e responsabilidade, resistência e simplicidade.
Roxo: prosperidade, nobreza e respeito.
Lilás: espiritualidade e intuição.
Rosa: beleza, saúde, sensualidade e também romantismo.
Salmão: felicidade e plena harmonia.
Prata: novidades, inovações.
Dourado ou cor ouro: riqueza.

Pensem sempre que nunca se sabe como a festa pode acabar e que alguém pode acabar vendo sua roupa de baixo antes do amanhecer do dia 1º!

Da minha experiência de vida (?): já vi vermelho funcionar mais do que muito bem (não comigo!). Branco sempre o foi clássico basicão que nunca deu errado. Preto também rendeu bons anos. Para entrar 2012 usei amarelo e acho que vou repetir a dose. Não tenho grandes reclamações desse ano.

E ficamos por aqui com o último post de 2012! Agradeço a todos que leram este blog pela primeira ou pela enésima vez hoje. E peço que voltem! :D

Feliz Ano Novo galere!!!

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Amizade Colorida



Vocês são amigos e resolveram fazer sexo. Mas não querem deixar de ser amigos ou de sair com outras pessoas. Há um pacto não-dito de não cobrança. Amizade colorida é algo que eu sou terminantemente contra.

Dois amigos com vontade se querendo? Então fiquem juntos de uma vez. Ainda que a princípio seja algo sem sentimentos, só tesão, mais tarde essa situação vai mudar.

Um dos dois, garanto, vai acabar sentindo mais do que deve, pensando mais do que deve, sonhando mais do que deve. Não tem como não.

Juntar duas pessoas e fazê-las ter mais intimidade do que o habitual é pedir para dar erro. E isso vai ser mais do que terrível. O ciúmes, a dependência, a dor. Sentimentos não tem como se controlar. Mas podemos fazer com que algo que vai nos fazer sofrer não aconteça. 

Tem coisas que são feitas para se tornar realidade. Outras deixemos nos campo das ideias. Um beijo você e seu amigo, um dia bêbados, até pode ser aceito. O que cria um problema é se isso se torna rotineiro e vocês acabam na cama. O que pode acabar com a amizade.

As pessoas adoram se dizer no controle das situações, que sabem exatamente o que estão sentindo e que é só um passatempo o estar com o outro. Até a hora que o outro vai começar a sair com uma terceira pessoa. E namorar a pessoa. E você fica lá, de lado, stalkeando o relacionamento deles, um obro amigo, a espera de alguma briga deles para que você possa funcionar como consolo.

Por isso meus caros leitores fica meu conselho: evitem ter uma amizade colorida. Não se humilhem a este ponto. Por mais sós e carentes que estejam, esperem mais um pouco. Uma talvez lenta e agoniante espera é melhor do que meses de dor e angústia porque você começou a sentir mais do que deveria.

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Comidas Afodisíacas



Finalmente chegamos na época mais esperada do ano. Tempo de alegria, comunhão e comida. Muita comida. Em geral as melhores comidas do ano. Isso sem falar nos presentes!

Natal e Ano Novo são festas em família, com ceia tradicional e tudo mais. E sempre sobra aquele monte de comida gostosa para o dia seguinte, quando preparamos mais uma coisinha ou outra e entramos o ano 800 kilos mais pesados.

E é para o dia seguinte a ceia principal com todos que dedico este post natalino. Para quê preparar um chester e ficar fazendo piada de peru? Se é só você e seu rapaz que vão comer, prepare algo especial. Uma comidinha afrodisíaca para dar uma esquentada no clima. É feriado mesmo, não tem problema acender o tesão de vocês, podem ficar o dia todo na cama sem problemas.

Outra coisa que pode ser feita é levar seu companheiro para a cozinha para ajudar a preparar a comida. Ai eu garanto que mesmo fazendo um prato normal, vocês vão acabar fazendo sexo.

E aqui, por que é Natal e tenho 3827296762091 afazeres, encerro meu post com a receita afrodisíaca  portuguesa da foto ali de cima. É simples e, por ter maçã, garanto que gostosa.

Maçãs Assadas à Paraíso


Ingredientes:

  • maçãs (proporcional ao número de pessoas);
  • vinho do Porto;
  • manteiga;
  • açúcar.


Confecção: Tirar os centros das maçãs, evitando furá-las. Untar com manteiga um tabuleiro de ir ao forno e colocar as maçãs. Regar com Vinho do Porto (1 cálice) o fundo do tabuleiro. Encher os buracos das maçãs com o açúcar, um pouco de Vinho do Porto e um fio de manteiga derretida. Assar em fogo brando.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Motel



A palavra Motel, se não me engano, surgiu nos Estados Unidos como sendo um hotel para pessoas e carros. Mas obviamente que na nossa amada língua tupiniquim locais com um letreiro vermelho de neon escrito motel é a casa do Satã.

Existe de todos os tamanhos, valores, temáticas e disfarces. Sim, motéis existem disfarçados! Sabe aquele hotel pequeno e esquisito que tem no centro, então...

A ideia é simples e prática, você entra e paga por alguns instantes de intimidade com quem vocês estiver afim. Se for um local mais luxuoso e estiver indo com parceiros múltiplos, aí o preço por hora aumenta. E vamos combinar que isso é mais do que justo, afinal pense na pobre coitada da faxineira que tem que deixar tudo pronto para os próximos clientes.

Infelizmente para mim, nunca fui neste lugares alto padrão, com suítes temáticas, colchões confortáveis ou mesmo ar-condicionado. Duas vezes fui aqueles lugares baratos do centro de Porto Alegre. Um deles nem porta no banheiro tinha. E por ser a situação mais trágica e decadente da vida, sempre ri. Só porque sou jovem para aceitar passar por isso. Mas logo que tudo começa, a gente esquece da precariedade do lugar. Esquece até do ventilado teco-teco que foi preso à parede.

Eu acho que todos devem ir uma vez na vida que seja. Seja caro ou barato. Seja porque não tem mais para onde ir ou apenas para sair da rotina. É um lugar muito apropriado para esquecer um pouco de pudores e berrar o quanto quiser. Libere suas fantasias mais secretas. O pessoal que trabalha lá está mais do que acostumado com todo tipo de coisa, então sequer vão pensar em te julgar. Se divirta e faça valer o dinheiro investido.

E se alguém aí quiser me levar para que eu conheça um motel decente, estou às ordens! :P

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Perdão Galere!


Gente, desculpa! Hoje não vai rolar texto. Ok, desta vez eu não tenho uma desculpa 100% aceitável como foi o show da Madonna, mas ainda assim. Estou cansado hoje e um bocado sem inspiração. E, como eu já disse antes, se é para fazer de qualquer jeito, prefiro não fazer!

Passando para a amanhã o tema de hoje e deixando vocês, de novo, com Madonna em Erotica.


quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Ame-se!



Antes de mais nada queridos, vamos nos amar. Vamos nos valorizar. A felicidade é nossa e não deve depender dos outros.

Todo mundo quer alguém para chamar de seu. E é ótimo ter um companheiro. Mas ninguém não-doente vai querer estar com você se você não consegue ver beleza em si mesmo. Não devemos perder noção da realidade, mas também não precisamos pensar que somos a criatura mais feia que já pisou na Terra.

Temos esterótipos sim e ídolos que nos parecem perfeitos. Não digo que eles devam ser ignorados, mas nem sempre podemos trazer esse ideal para a nossa realidade. Mas podemos nos esforçar para isso. E aqui é o ponto mais relevante: ficar satisfeito com cada micro progresso que conseguimos na busca de um ideal, seja físico, espiritual, intelectual ou qualquer outro que faça você se sentir mais confiante e bonito.

E mais do que isso: temos que nos sentir sexy, ainda mais se estamos a procura de alguém (seja para passar o resto da vida ou o resto da festa). Sexy sem ser vulgar é difícil? Não, mas a linha de separação deles é tênue. Se vista com um roupa que faça com que você fique confortável, porém arrumado e bonito. E se deixa levar pela música e por quem estiver passando.

Tudo isso é, eu sei, um processo não tão rápido e imediato. Leva tempo para que comecemos a nos amar antes de mais nada. Tem que criar o hábito de olhar diariamente no espelho e dizer para si mesmo que é bonito. É preciso exercitar a capacidade de ver seu reflexo e admirar nossas qualidades (a cor dos olhos, o tipo de cabelo, o pescoço bonito...). Tendo noção dos nossos pontos fortes, eles parecem que irão brilhar aos olhos dos outros.

Para quem persegue um ideal intelectual, valorize todos os seus esforços. Cada aula, cada certificado, cada pequena coisa. Mesmo que pareça simples, fácil e sem valor para você, alguém sempre pode ficar encantado com sua inteligência. E há uma dose de sensualidade bem alta em alguém que tem o que dizer, alguém que sabe de qual país Kuala Lumpur é a capital.

Bem a verdade é que todos tem alguma beleza e todos perseguem um ideal. Nem sempre vamos alcançar ou alcançar da forma como gostaríamos, mas com dedicação e trabalho podemos chegar lá. O meu objetivo aqui é lembrar que ainda que não tenha terminado nosso caminho até a perfeição, ainda assim tem muita beleza no caminho que não devemos ignorar ou subestimar. Se aceitem como seres imperfeitos e que irão se destacar como quase perfeitos para os outros.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Amor x Paixão x Tesão



É importante que tudo seja bem separado. Tendo ciência de o que é cada sensação, saberemos o que realmente estamos procurando. Eu já sofri um bocado por confusão dos outros. Já fiz gente sofrer por não saber bem se era Amor ou Paixão ou Tesão.

Começando do mais simples, tesão é a vontade de ter a pessoa nua na sua cama. Fim. Você pode até ter certa obsessão em relação a alguém e, por isso, achar que é algo mais. Mas não é. Claro que neste estado fantasioso de desejo podemos confundir com algo mais duradouro e se vale aqui, o conselho é: espere. Se em dois meses ainda existir esse desejo e ele já houver extrapolado a esfera do sexual, aí talvez seja Paixão.

A Paixão nos consome. Queima. É quando cometemos loucuras. Somos impulsivos, diretos, até mesmo mais atirados do que naturalmente. A insanidade toma conta de nosso ser. Cada segundo longe do outro é uma tortura e você só faz pensar na pessoa com que quer estar. Mas Paixão tem prazo de validade. Em seis meses no máximo ela está acabando. A relação aqui se formou com base na aparência e quando nos acostumamos com ela, os defeitos parecem placas de neon e nos perturbam. Aquela cenazinha de ciúmes que parecia tão fofa, agora é sufocadora. Começamos a inventar desculpas para não ver a pessoa. E nessa hora, alguns até mesmo chegam a trair. O grande problema aqui é quando o outro não sente Paixão por você, mas sim Amor.

O mais sublime de todos os sentimentos. Amor por alguém com quem não temos nenhum vínculo familiar (mas desejamos ardentemente). O Amor sim é feito com uma dose de Tesão, um punhado de Paixão e algo mais. Muito mais. O que é, não sei dizer, apenas sentir. O Amor vê nos pequenos defeitos do dia a dia da pessoa suas melhores qualidade. Ele nasce da Paixão e cresce com a convivência. É amar aceitar que o outro está longe de ser perfeito, que às vezes erra e nos faz sofrer. Amamos quando perdoamos estes detalhes porque existe tanta coisa linda para que vivam juntos ainda. Diferentemente da Paixão, o Amor não sacrifica todos os bons momentos por conta de uns poucos ruins. mas se isso precisar acontecer, quem ama permite que se vá. Vai doer e talvez exista uma raiva, mas passa e queremos o outro feliz, apesar de longe de nós.

Amor verdadeiro eu acho que só acontece uma vez na vida da pessoa. E não acho que seja algo apenas de um lado. O outro também sente, ainda que não saiba. Piaf já cantou Dieu réunit ceux qui s'aiment. Por isso se você ama alguém, espere. Tudo tem seu tempo e sua hora.

Agora que já abri cada conceito, vem a dica: pare e pense. Não vale a pena ir no calor do momento e dizer "eu te amo" para o boy que você conheceu na balada e que depois do sexo você não fará mais questão de ver. Tiremos um momento para nós (horas, dias ou mesmo meses) para refletir bem sobre o que se passa em nossa cabeça. Sei que para alguns (como eu) é difícil na hora saber com certeza, mas com o tempo tudo vem, claro e simples. Por isso digo que vale esperar. Ainda que não seja algo típico da Geração Y, um pouco de paz e reflexão poupam todos de stress e sofrimento.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Escrito nas Estrelas



Nunca escondi minha credulidade em destino e horóscopo. E tento creio que só de saber qual o signo da pessoa você pode conquistá-la. E pensando assim, resolvi hoje ajudar vocês a saber como conseguir o boy magia:

Áries: Nunca mostre seus sentimentos e sim abra espaços sutis para que ele possa entrar. Ele deve ser o conquistador - pelo menos deve pensar que está sendo. Nada de ser muito direto. Jogue seu charme, faça-se de desentendido. 

 Touro: Coloque as mãos no bolso e não tenha medo de gastar, senão a primeira gafe já foi cometida. Um bom restaurante, uma boa mesa regada a um bom vinho e é claro um buquê de flores das mais caras que você encontrar. Abuse dos sentidos dos taurinos.

Gêmeos: Ok, esse sou eu, vou tentar ser sucinto. Assim, nada de ficar se enrolando nem de burrice. E sempre tenha uma novidade para contar. Só comece a investi rme algo mais direto depois de ter certa intimidade. 

Câncer: Românticos. Querem segurança e se você não mostrar que é tudo o que ele precisa ele vai te dar o pé em meio segundo.

Leão: Mostre seu valor. Ele tem que saber que você É a última bolacha do pacote. Leoninos não são discretos, mas não são necessariamente exagerados. 

Virgem: Discretos, educados e simples. Virginianos gostam de ser impressionados. Mas são eles quem gostam de seduzir e investir. E tem que ser no tempo deles. 

Libra: Naturalmente indecisos, ajude ele a te escolher. Educação acima de tudo! Além disso ser direto em relação a tudo sempre ajuda. 

Escorpião: Sem ser vulgar seja direto em assuntos como sexo e amor. Seja sensual e indiscreto que seu carinha de escorpião vai te amar. 

Sagitário: Essa galera é a mais complicada e fazida, principalmente para quem quer algo sério. Se vista bem e use seu cérebro, mostre sua inteligência. Mais do que isso: seja sexy e ousado. Esse povo adora safadeza. 

Capricórnio: Tradicionais, eles gostam de tudo nos conformes. Amor é algo que vem com tempo. Paciência e discrição são as formas de conseguir um capricorniano. 

Aquário: É hora de ser de vanguarda. Elogie e sempre tenha algo inovador para falar. E na hora H, solte até mesmo as fantasias que nunca teve. 

Peixes: Os mais melosos e românticos do mundo. Qualquer coisa faz o coração dele bater mais forte e emociona. O caminho mais rápido para seu coração é o da sensibilidade e atenção.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Anal é Amor



É possível ter prazer anal segundo a Sandy. Segundo Sasha Grey também. E eu concordo com elas.

Claro, para uma mulher não é tão fácil sentir satisfação plena, mas não impossível. Entretanto, antes de entrarmos na problemática feminina, vamos ao mais simples: os rapazes.

A anatomia masculina é feita para que eles possam ter agrado em um nível superficial de penetração anal. A proximidade da próstata e a espessura dos tecidos que formam o esfincter fazem com que o acesso glândula seja fácil. Qualquer indicador consegue tocar nela. 

Em meninas a coisa já fica mais complicada. Ela tem que REALMENTE querer para que não acabe se tornando algo doloroso e maçante. E o seu companheiro, por mais animado que tenha ficado com a ideia de experimentar novas partes da anatomia de sua garota, tem que ser compreensivo. Qualquer coisa meninas, gritem e peçam para parar.

A primeira vez, para homens e mulheres, se for feita com alguém menos experiente, tem grandes chances de ser algo doloroso. É uma região delicada e que tem que estar bem relaxada para que possa acontecer. E aqui, mais do que nunca, o tamanho importa. E a grossura.

E ainda antes chegar ao momento da penetração, o penetrado tem que se preparar devidamente. Como já disseram no filme Será Que Ele É?, o encanamento humano não acha isso muito bom. Esta é uma região do seu corpo em que a musculatura está acostumada a fazer aquilo que foi feita para fazer, expelir. Por isso jovens leitores, é mister (realmente amo essa palavra!) que vocês estejam limpos. Não só por fora, mas por dentro também. Se vocês não estiverem devidamente preparados, vai dar merda. literalmente.

Além disso, alumas pessoas acham interessante fazer o uso de objetos antes de se entregar para o boy magia. Plugs e coisas do gênero servem para que você vá acostumando seu corpo com o que está por vir. Porque certamente será algo inesquecível.

Muita gente sente dor e não consegue continuar. Outros sangram como se fossem morrer. Tem aquelas pessoas que aceitam sem problemas. Cada um é um. Mas para todos, penetrados e penetradores vale a dica deste clássico do YouTube:



Observação para meninas: Se vocês querem experimentar, bacana, super apoio. Mas acho que vocês devem fazer com alguém especial a primeira vez, não com qualquer carinha que vocês estão saindo há duas semanas. Isto pode muito bem ser considerado prova de amor!

Observação para meninos héteros: Não vai ser uma massagem na próstata que vai fazer vocês ficarem gays. Acho que vocês devem experimentar. Usem os dedos mesmo. E se tiveram um namorada de fé, fiel, que está com vocês há 82976290 século, e confiam e aceitam bem um ao outro, podem pedir para ela também.

Observação para meninos homossexuais: Controlem o fogo de vocês!

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Onde Não Pode



É fato que tudo que é proibido tem um gosto especial. Melhor do que situações regulares. E com sexo é a mesma coisa.

Sinceramente, quem aqui nunca pensou em ter relações no banheiro do colégio? A vontade está sempre no ar, ainda que não pensemos diretamente nela. Nossa cultura ocidental faz com as pessoas queiram sexo sempre e o tempo todo. Junte isso ao puritanismo e a culpa católica que temos uma atmosfera sexual velada. Todos querem, ninguém assume, todos fazem sempre que têm oportunidade.

Seja na faculdade, na balada ou mesmo no jardim, onde não podemos é justamente os locais que mais queremos. Ainda mais quando estamos com O boy magia. 

Você e seu carinha estão se pegando loucamente numa festa. As mãos veem e vão. As calças já estão justas e os quadris já se movem involuntariamente. Infelizmente nenhum dos dois pode levar levar o outro para casa. O motel barato mais perto está muito há meia hora de distância a pé. Os dois estão explodindo de tesão. Já aconteceu ali uma masturbação mútua discreta no canto escuro, mas vocês precisam de mais. E o banheiro é logo ali! Vocês tem que ser rápidos, ficar em um posição estranha e nunca fazer muito barulho. A excitação pelo outro te move. A adrenalina por não poder fazer naquele lugar te dá ainda mais vontade. E o sexo acaba sendo incrível.

Claro, vale aqui colocar alguns lembretes: os dois podem ser expulsos da festa por isso, e é um puta falta de sacanagem ocupar o banheiro para fazer putaria enquanto tem gente com a bexiga explodindo do outro lado da porta! Mas é bom ainda assim. Recomendo que façam pelo menos uma vez na vida, ainda que fique só no oral.

Se Adão e Eva que tinham conexão direta com deus caíram na tentação e cometeram o pecado original, não vai ser a gente, que sequer conhece o dono da casa noturna, chefe máximo da nossa empresa, diretor do colégio, reitor da universidade, etc, que vamos deixar de fazer algo proibidíssimo! Até porque mesmo que você se negue a ter essa aventura (super válida) na sua vida que os outros vão se negar.

Você disse um grande não para o boy na balada/universidade/trabalho/etc? Não venha depois chorar se ele não te procurar mais e ainda arrumar outro! Não precisa fazer tudo que ele quer, sempre que ele quiser, mas uma vez ao menos para você experimentar não tira pedaço. Relaxa e goza.

Na verdade, se formos parar para pensar, certamente tem um casal ao menos fazendo sexo no prédio do local em que trabalhamos neste exato instante. A sala do arquivo sempre me pareceu um lugar bem deserto...

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Naughty Gifts



Então é Natal, já cantou Simone. O fim do ano está aí e junto com ele todos aqueles eventos que gostaríamos de evitar, mas acabamos participando e nos divertindo. Para mim o pior de todos é sem dúvida o tradicional amigo secreto. 

Nesta brincadeira eu fico dias em angústia pensando em que comprar. E no fim sempre acabo extrapolando o limite financeiro imposto. Se vocês são como eu, aqui vão duas dicas de ouro para transformarem esse inquietante evento em diversão!

Primeiro são os chocolates pornográficos. A primeira vez que comi um pênis de chocolate foi por cortesia da Maria Luiza. E foi só amor. Me controlei para não comer todos os que ela tinha, porque né, minha boca e pênis tem uma atração mias forte do que a de camiseta branca e molho de tomate. Mas claro que este tipo de chocolate não se resume apenas a pintos. Temos bolos de peitos, bombons de bunda, cupcakes de vagina, etc etc. Veja quanto você tem para gastar e compre alguns destes doces. Além de saborosos, são sempre um ótima piada!

Outra super dica que tenho para vocês é o livro 101 Lugares Para Fazer Sexo Antes de Morrer. Se é para dar livro safado, vamos fugir do atual clichê de 50 Tons de Cinza! Eu mesmo comprei esse livro. Nunca vi tanta criatividade na minha vida! E além disto ele te permite anotar quando você fez sexo naquele local, suas impressões sobre e se deve ou não repetir. Não chega a custar R$20. Super válido e divertido. mas deixo aqui o alerta: se você é uma pessoa ciumenta e der esse livro para o namors, nunca, NUNCA nem pense em folheá-lo, você pode (e provavelmente vai) ver o livro preenchido com nomes de pessoas que vocês sequer sabe que existem.

Aqui vale o lembrete: tenham noção da vida! Estes são presente para um amigo secreto ou para o Natal mesmo que deve ser dado para amigos, não para chefes ou colegas de trabalho, por melhor que você se dê com eles! Também não vá entregar este tipo de coisa no meio da festa de família na presença da sua avó. Ainda que todos achem engraçado, o presenteado pode ficar constrangido. Sem falar que se for dar qualquer uma destas duas dicas para alguém em especial, garanto que entregar em um momento mais privado vai ser muuuuuuuuito mais interessante e prazeroso! 

Se comprarem e/ou receberem qualquer um dos dois, me contem como foi! :D

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Striptease



Tirar a roupa qualquer um tira. Mas a maneira como tiramos pode fazer toda a diferença. Uma música apropriada, o vestuário adequado e o ambiente preparado. Parece fácil fazer o resto dar certo, mas a linha entre o sexy e o cômico é muito tênue.

Só me sinto plenamente à vontade para falar sobre o assunto porque há anos, desde meus oito anos acho, penso em trabalhar como stripper (assisti muito ao programa da Monique Evans de tarde quando era criança). E quando cresci e passei a entender melhor a situação toda, me encantei ainda mais. Some isso ao filme da Demi Moore e a merda está feita para a vida.

Acho aqui válida uma observação: nem todo(a) stripper é prostituto(a) e nem todo prostituto(a) é stripper.

Voltando ao que importa. Não estou aqui para falar para vocês das performances dos profissionais. Vamos falar do strip caseiro, que é onde mora o perigo!

Penso que o maior problema dos rapazes e moças que querem tirar a roupa para seus parceiros em casa é pensar muito no strip e esquecer o tease. Se vocês souberem o que fazer, nem música ou roupa especial vão precisar. Primeiro é mister (amo essa palavra e fazia molésimos anos que não tinha oportunidade de usar!) que se sintam confortáveis consigo, seu corpo e seu parceiro. Enquanto se beijam, naquele aquece cheio de mãos preparatório para um sexo mais do que satisfatório, faça seu boy magia (ou namoradinha) sentar. E abuse do tease!

Lentamente comece a tirar as suas peças de roupa. Permita que seu corpo seja tocado por você e seu companheiro. Vá tirando as roupas da pessoa com quem está. Use suas mãos. Abuse do poder da sua boca. Acaricie as genitais do outro por cima da roupa íntima. Se masturbe lentamente sem deixar o outro encostar nas suas partes.

E depois que o strip em si acabou, a provocação pode (e deve!) continuar. De todas as pessoas com quem dormi até hoje, apenas com um realmente abusei do tease (mas confesso que pulei o strip). Segure os braços da pessoa. Não deixe que ela te toque enquanto você a toca. Acaricie a região púbica e as virilhas, mas não a genital em si. De beijos leves e superficiais. Soltem sua imaginação!

O mais importante do striptease é você se colocar como se fosse um profissional no palco. Em stripclubs decentes, os artistas (porque isso é uma arte sim!) são intocáveis. O máximo de proximidade é para que coloquem dinheiro em suas botas, cuecas ou cintos. Por isso se coloque nessa posição! Você é um deus! Sensual, lindo, poderoso, intocável. E quando você se permite estar ao alcance das mãos do outro, é única e exclusivamente porque você é bom e caridoso. Quando o sexo propriamente dito começar, faça valer suas divindade e, a cada vez, faça seu parceiro ter um orgasmo melhor do que o último, como se nenhum dos dois nunca mais fosse ter relações íntimas com outro ser vivo na vida.

Aproveitem a vida. Um striptease (ou só o tease) bem feito realiza verdadeiros milagres. E todos, tenho certeza, temos este poder, essa divindade dentro de si. 


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Pessoas, Se Toquem!



Esqueça pudores se pretende continuar lendo isso. Hoje meu tema será masturbação.

Gente isso é N-O-R-M-A-L. Sabe quando o pinscher daquela sua tia solteira vem fazer sexo com a sua perna? Isso é masturbação para ele. Um grande número de espécies de mamíferos se toca e aproveita a alegria que pode dar a si mesmo.

Claro gente, não estou dizendo aqui para que no meio do jantar de aniversário de 80 anos da sua avó você coloque a mão dentro das calças e tenha um momento feliz. Somos racionais e temos consciência que é feio fazer isso no meio de pessoas com quem não estamos tendo relações sexuais e em sociedade.

O que vocês precisam é tirar um momento para vocês mesmos. Um horário calmo, que vocês sabem que não vão ser interrompidos. E have fun. Sem medo de sujeiras. Se esbalde no momento!

E agora diretamente para as meninas: vocês TEM QUE se tocar. "Ai Rafael, comassim?". Assim mesmo. Peguem um tempo que vocês tenham paz (banho, hora de dormir, etc) e comecem. Parem de se preocupar com opinião alheia, até porque só vai saber quem você quiser. E mais: não tenham nojo. Gurias, é o corpo de vocês! Se tiverem nojo dele, não esperem que um cara trate-o com muito respeito. Sem falar que se vocês forem passar a vida esperando que um homem dê Orgasmo (com "o" maiúsculo mesmo!) para vocês, sinto dizer que muitas vão morrer sem saber o que é um!

Mas todos agora me respondam: como esperam que alguém que está indo para cama com vocês pela primeira vez lhes dê prazer de verdade, se vocês mesmos nunca foram atrás? E como esperam dar prazer para o outro se não sabem nem o que os excita?

Masturbação é mais do que um ato egoísta de busca de prazer. É uma jornada de auto conhecimento. O que te excita e como te excita. Além de ser uma atividade relaxante que faz bem para o coração.

Comecem de forma simples (meninas existem 42819457618591789 sites que ensinam como proceder para vocês que farão pela primeira vez). Com o tempo vocês se permitam ir além. Mudar a posição da mão, número de dedos, velocidade, movimento... Masturbação, assim como sexo, é uma atividade que, com um mínimo de imaginação, não tem limites!

Rapazes e moças que vão ficar em casa em alguma noite desse final de semana (e mesmo os que não vão):


quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Homemade



A nossa clássica mensagem de texto via celular já tem seus vinte anos. E, como se fosse um ser racional, seguiu a ordem bíblica: Crescei e multiplicai-vos! De letrinhas inocente e, no máximo, carácteres que lembrassem algo erótico, o SMS foi ganhando seu espaço e mudando com as tecnologias.

Para que mandar um número oito, seguido do simbolo de igual e um "d" maiúsculo no final se hoje podemos mandar a foto do nosso pênis diretamente? As câmeras de celular são, algumas vezes, melhores do que as pequenas básicas que compramos. E a vontade de nos mostrarmo para os outros não para de crescer.

O termo sexting foi utilizado pela primeira vez em 2005, em uma pesquisa que dá os créditos de sua criação aos jovens ingleses, australianos, canadenses e americanos. A evolução do SMS ganhou o mundo e causou polêmicas (lembremos de Sonia Abrão e Carolina Dieckman). Mas o vocábulo é um pouco mais completo e engloba também fotos enviadas via e-mail e exibições na webcam.

Sim, hoje em dia está tão difícil conseguir alguém, que o mais queremos é que a pessoa nos queira sempre e para sempre. E que jeito melhor de deixar seu namorado sempre pensando em você sem sentir-se invadido se não com uma foto dos seus genitais enviado no meio da tarde?

E sexting é o primeiro passo para outra forma de excitar-se modernamente com seu parceiro. Rapidamente podemos evoluir para o pornô caseiro. Simples, fácil e rápido de se organizar, qualquer um pode fazer. Seja um simples solo ou um sexo mais pegado, o importante ali é se divertir e esquecer da câmera. E, claro, depois assistir a performance quando solitário para masturbar-se ou, por que não?, melhorar sua técnica.

Entretanto, sempre temos que lembrar que do mesmo jeito que ficou fácil mandar material para seu homem ou sua mulher mostrando o quão gostoso(a) você é, o quão excitado você está, o quanto você pretende fazer sexo até um dos dois desmaiar de cansaço, também ficou mais fácil o mundo saber de tudo isso. Sexting e pornôs caseiros devem ser feitos com consciência. Por mais que você confie na pessoa com quem está e creia que vocês vão ficar juntos para sempre, nunca se sabe o dia de amanhã. O boy magia para quem você enviou as fotos, pode não te querer amanhã e ainda postar suas fotos em tudo quando é site para contar vantagem. O filme lindo que vocês fizeram pode ir para no xvideos.com antes do que você sonha. E nunca podemos ignorar os hackers especialistas em invadir nossa privacidade atrás deste tipo de material.

Tem quem se deu bem com esse tipo tosco de vingança de fim de namoro. A performance de Brent Everett em um pornô caseiro com seu ex, rendeu a ele contratos bem interessante e hoje ele tem a própria produtora de filmes para adultos. Mas Paris Hilton e outros tantos anônimos apenas ficaram mal-falados.

Sou a favor do sexting. Nunca fiz, mas não descarto a possibilidade. Sei de todas as consequências (até porque acabei de escrevê-las!) e ainda assim acho interessante. É uma ideia bem válida para trazer um pouco mais de erotismo para nosso dia a dia. E fica a dica: quem está na chuva é para se molhar. Traduzindo: se tirar uma foto mostrando mais do que sua mãe acharia aceitável e todo mundo (literalmente) ver, não vem chorar depois!

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Pornôs


Maior propaganda enganosa já criada pelo homem! Chega a ser cruel, se pensarmos friamente. Filmes pornográficos são muito fora da realidade. Mas vamos estender nosso horizonte e colocar junto imagens, contos e mesmo livros.

Pessoas lindíssimas, com corpos perfeitos e genitais incríveis. Uma situação rotineira. Uma música eletrônica ruim. Pronto! Esta é a fórmula de qualquer filme pornô (e se tirar a música, qualquer texto). E por ser tão simples é que nos envolve ainda mais.

Em uma sociedade cada vez mais sexual e insaciável, a ideia de bater o carro fica até mesmo tentadora. Afinal, o dono do outro carro pode muito bem ser um cara de 1m 80cm, som olhos verdes e cabelos pretos, músculos bem trabalhados, com grandes chances de estar sem camisa ou com uma beeeeem justa, e um pênis maior do que a média nacional. E claro que ele vai ter um interesse em você e o sexo será incrível e ali mesmo, em local público. No fim, nenhum dos dois vai se importar com os estragos automobilísticos.

E, mesmo depois do fim do vídeo e do nosso provável orgasmo assistindo aquilo, a ideia permanece conosco. Mesmo que saibamos que não tem como esse tipo de coisa acontecer, um credulidade quase infantil faz com que sonhemos com encontrar alguém lindo na rua e ter momentos memoráveis.

Mas a realidade nem mais bate na porta, ela mete o pé e dá na tua cara. O carinha bonito do ônibus? Esquece, ele nem viu que você existe. O carro estragou vai chamar o mecânico? Tenha certeza que ele vai ser gorducho, feio, velho e não vai ter algum dente. Precisa de ajuda em casa e chamou o vizinho? Desculpa, mas ele provavelmente vai te ajudar e terminar por aí.

Não vivemos em uma história pornô, por mais que tenhamos vontade em alguns momentos, assim como não vivemos em Hollywood (como já falei aqui). Vivemos a realidade e é com o que temos que nos contentar. Sonhar é bom e nunca devemos para de fazê-lo. Mas com parcimônia. Nada de confundir o sonho irreal da vida de filme pornô e sair passando o pinto meia-bomba nas pessoas em locais públicos achando que vai acabar no banheiro recebendo um boquete, porque o máximo que você pode conseguir é uma ida a delegacia por assédio sexual.

Claro, tem também o lado mais interessante (e não falo aqui do seu orgasmo!): a fantasia criada. Bem, basicamente o roteiro é a fantasia, mas sempre tem aquele detalhe que fez com que você abrisse o vídeo e que poderá trazer para a sua realidade. No filme/livro/conto tinha um incêndio e o bombeiro era sexy e fez sexo com o dono da casa em cima da mesa da cozinha enquanto tudo explodia? Traga isso para sua realidade (ATENÇÃO: não digo aqui para vocês colocarem fogo em casa, muito menos que façam sexo em um lugar em chamas!). Compre um fantasia de bombeiro para seu namorado (se ainda não tem, compre e espere ter). Sabe aquela posição que pareceu humanamente impossível, mas te deixou excitado? Experimente sem medo! Abra suas fantasias para seu parceiro(a) e sejam felizes! E quando ele quiser realizar as deles, faça um esforço, por mais estranho que lhe pareça, mas percam os pudores entre quatro paredes. Confiem um no outro! Satisfaçam um ao outro.

Assistam pornôs, se toquem, sejam felizes, alimentem suas fantasias! Mas saibam que algumas coisas nunca vão deixar o campo das ilusões. E para terminar, duas frases que sintetizam tudo:

"Não adianta viver sonhando e se esquecer de viver" - A. P. W. B. Dumbledore

"Poor is the man whose pleasures depend on the permission of another" - Madonna


terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Futuro


Não sei vocês, mas eu tenho MUITA curiosidade sobre o tempo. Em relação ao futuro principalmente. Como vai ser, o que vou fazer, sentir, quem vai entrar na minha vida, quem vai sair, etc.

Sim, sou um crédulo dos poderes cósmicos fenomenais que movem as vidas das pessoas. Destino. Todos os dias leio meu horóscopo standart, o personalizado e faço o tarot do dia. Em épocas de crise, faço o i-ching. A cada seis meses, tarot semestral. Todo fim de ano, previsões para o ano que seguinte.

Meu excesso de ansiedade faz isso comigo. Se há alguma possibilidade de saber como vai ser o futuro, eu tenho que saber. Quero entender o que ainda está por vir. Maktub, como dizem os árabes, já está escrito. E quero ler.

Mas toda essa minha ansiedade acaba gerando alguns problemas. Eu quero tanto que tudo aconteça de uma maneira que idealizo que, no fim, acabo me atrapalhando. O que tem que acontecer acontece, mas em geral acabo sofrendo mais do que se não tivesse me precipitado. Outro grande problema que tenho com o saber o futuro e sonhar com ele, querendo que seja tudo perfeito, é tudo o que acabo ignorando. Principalmente o presente. Meu saber do futuro põe minha mente lá, acabo não vivendo o agora para viver o amanhã, e quando este vira hoje, não aproveito, pois já estou pensando nos próximos eventos que anseio que cheguem logo.

Sou como todo mundo. Quero uma vida bacana e feliz. Fazer o que gosto e ter ao meu lado a pessoa que amo. Mas eu tenho que saber quando tudo isso vai acontecer. Para logo ficar insatisfeito e querer, de novo, o que ainda não veio. Sei que tenho que aprender a ser mais feliz com o que já conquistei e esperar pelo que que virá com calma, aproveitando tudo com plenitude, mas do auge dos meu vinte anos, sendo geração Y e naturalmente ansioso, fica difícil. É um trabalho árduo que tento dia a dia realizar.

E sempre me lembro do que Doris Day já cantou: Que sera sera, what ever will be, will be. The future's not ours to see. Que sera sera!


segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Bons Sonhos



Nada mais agradável do que uma boa noite de sono. Ainda mais com um bom sonho. Algo que nos faça feliz, leve, tranquilo. Sonhar com o amado, compras, ballet e comida são coisas que me fazem passar todo dia seguinte em um bom humor quase irritante a quem está por perto.

Dizem que um bom sono está diretamente ligado a um bom colchão e a boas horas de descanso. No meu caso, tenho que discordar. Meu colchão tá mais errado do que um judeu se dizendo nazista. E minhas horas de sono, já descobri que menos é mais. Seis horas é mais do que o suficiente (não que não possa dormir mais, mas não são necessárias). Isso sem falar no calorão que tem feito. Maldito verão! Maldito aquecimento global!

Para mim, dormir bem passa por um banho relaxante, a temperatura ambiente. Logo em seguida um jantar decente. Nada de coisa pouco e/ou leve. Tenho que comer bem, ficar mais do que satisfeito. Logo em seguida tomo meu remédio para síndrome do pânico (sim, tenho e tomo meu remédio quase fielmente), escovar os dentes e cama. Dane-se cabelo molhado! 

Antes de entrar em alfa, sempre tenho um tempo ~viajando na maionese~. Este é um horário propício a uma oração. Não digo tirar um rosário de dentro da fronha e paga penitência. Apenas pensar nas coisas boas do seu dia e se sentir grato por isso. Repensar como as situações ruins poderia ter sido melhores e ser grato por isso. Penso sempre em coisas que me façam bem. Como eu quero que seja meu futuro distante e meu dia seguinte. O que gostaria para o ano que vem. O que vou comprar para quem neste Natal (pelo meu extrato e minha fatura do Visa, nada!). Coisas tranquilas e simples.

Viver feliz é simples, a gente é que complica! ;)